Ultimas Notícias

Post Top Ad

Your Ad Spot

REGULAMENTO DAS COPAS DE PROJECT CARS



CAPÍTULO I: JURISDIÇÃO
Artigo 1: O Campeonato será regido por este Regulamento Desportivo e Técnico (RDT).
Artigo 2: A denominação do campeonato será “Super Copa WorldBr E-SPORTS, doravante chamada de ”SUPER COPA”.
Artigo 3: Toda regulamentação especial estipulada para cada evento dos administradores da WorldBr  E-Sports, doravante denominada PROMOTORA; será responsável por:
                3.1 regulamentação de uma possível série de parceiros e/ou evento de parceiros.
3.2 eventuais adições, esclarecimento e modificações aos regulamentos feitos pela PROMOTORA, serão publicados através de comunicados nos grupos oficiais da WorldBr  E-Sports.
                3.3 supervisionar e julgar as condutas e o controle dos eventos presentes neste DRT.
CAPÍTULO II: ORGANIZAÇÃO
Artigo 4: A PROMOTORA, organiza a SUPER COPA, esta copa consiste em corridas automobilísticas no jogo virtual Project Cars 2 para a plataforma Play Station 4.
Artigo 5: Todos os COMPETIDORES que participam das etapas comprometem-se a observarem todas as provisões e normas deste RDT.
Artigo 6: Ao fazer sua inscrição, o COMPETIDOR está aderindo em sua plenitude todas às condições deste regulamento, e não pode alegar sob nenhuma hipótese, o desconhecimento das mesmas.
Artigo 7: Adendos ao Regulamento podem ser emitidos por escrito, via Boletins, e publicados nos grupos oficiais da PROMOTORA.
CAPÍTULO III: INSCRIÇÕES
Artigo 8: A SUPER COPA será dividida em duas categorias: Copa Light e a Copa Ginetta.
                8.1 Copa Light: as inscrições serão feitas através dos grupos oficiais da PROMOTORA, e qualquer integrante do grupo está apto a participar.
                8.2 Copa Ginetta: Os integrantes aptos foram os 7 primeiros colocados da Copa Porsche GT realizada pela PROMOTORA e os 7 primeiros colocados da Copa Mitsubishi Lancer, também realizado pela PROMOTORA, sendo que poderão ser convidados os demais classificados na Copa Mitsubishi Lancer e depois os demais integrantes da Copa Porsche GT até se completar 15 competidores.
Artigo 9: É reservado ao promotor o direito de aceitar ou recusar uma inscrição para uma corrida isolada.
Artigo 10: O PROMOTOR isenta os COMPETIDORES de pagamento de taxa de inscrição para a participação na SUPER COPA.
CAPÍTULO IV: DA CLASSE E SEUS CAMPEONATOS:
Artigo 11: Dentro da SUPER COPA existirão 2 (dois) Campeonatos distintos a serem disputados, São eles:
                a) Copa Ligth.
                b) Copa Ginetta.
OBS.:Qualquer menção a SUPER COPA, neste RDT, se aplicará aos 2 campeonatos acima especificados.
CAPÍTULO V: COMPETIDORES E LICENÇAS
Artigo 12: Para a participação nas corridas, todos os COMPETIDORES devem participar do grupo oficial da WorldBr E-Sports.
Artigo 13: Se um COMPETIDOR quiser usar um pseudônimo, deverá informar os promotores da utilização, sendo divulgado através de boletins nos grupos oficiais, sendo considerado falta grave a não informação.
CAPÍTULO VI: MUDANÇA DE COMPETIDOR
Artigo 14: Um COMPETIDOR inscrito na Copa Ginetta, não poderá por sua vontade nomear outro COMPETIDOR para ser seu substituto durante uma prova ou a temporada. Sua substituição será feita pelo promotor obedecendo os critérios de acesso.
CAPÍTULO VII: competidor “CONVIDADO”
Artigo 15: A PROMOTORA reserva-se o direito de admitir ou de inscrever competidores convidados para as corridas.
Artigo 16: Para a Copa Ginetta, Somente pontuará no campeonato, o competidor convidado que participar de 2 (duas) ou mais etapas da Copa Ginetta. Nessa hipótese, o convidado passará à condição de COMPETIDOR permanente, Para a Copa Renault Clio o competidor convidado terá sua pontuação registrada na tabela de classificação do campeonato.
16.1: A posição de chegada do competidor convidado da Copa Ginetta, para efeito de pontuação, não será considerado para o resultado final da corrida. Isto é, caso o competidor convidado termine a corrida na primeira colocação e um COMPETIDOR permanente termine a corrida na segunda colocação, o COMPETIDOR permanente receberá os pontos referentes a primeira colocação.
Artigo 17: O competidor convidado terá a divulgação de sua colocação nos meios de divulgação da PROMOTORA.
CAPÍTULO VIII: EVENTOS & CARROS
O calendário dos eventos da SUPER COPA está disposto no Anexo I.
Artigo 18: Os únicos carros com direito a competir na Copa serão os veículos Ginetta G55 GT4, para a Copa Ginetta, e o Renault Clio, para a Copa Light.
Artigo 19: Somente um único carro por COMPETIDOR poderá ser inscrito em cada etapa.
19.1: Um COMPETIDOR da Copa Ginetta poderá se inscrever também para a Copa Light, desde que autorizado pelos promotores.
Artigo 20: Antes do primeiro evento, os COMPETIDORES inscritos nas Copas, deverão escolher um numeral para seus veículos nas corridas, o qual permanecerá o mesmo em todas as etapas da Temporada.
20.1: No caso de necessidade de mudança deste numeral, o COMPETIDOR deverá informar ao PROMOTOR a nova numeração desejada, o qual se reserva o direito de aprovar ou não.
20.2 Será considerado falta leve caso o competidor utilize número diferente do indicado a PROMOTORA.
CAPÍTULO IX: PERÍODO DO EVENTO
Artigo 21: O campeonato será realizado de Novembro a Dezembro de 2017, e será formado por 5(cinco) etapas oficiais, exclusivamente no formato “Sprint Races”.
21.1 Para efeito de pontuação 4 corridas serão válidas, sendo descartado o pior resultado.
CAPÍTULO X: PONTUAÇÃO

Artigo 22: Os pontos para a SUPER COPA serão atribuídos, para cada corrida, de acordo com a escala a seguir:



 
  
Artigo 23: Para que os pontos do COMPETIDOR sejam considerados válidos, é necessário que este tenha completado pelo menos 75% da corrida conforme cálculo descrito no Artigo 25.1-(iii) e artigo 25.2-(iii).

Artigo 24: O troféu será atribuído ao COMPETIDOR que terminar em 1.º lugar, e do 2º lugar até o 3.º lugar da SUPER COPA serão premiados com medalhas.
CAPÍTULO XI: DESCONEXÕES:
Artigo 25: As desconexões dos competidores serão avaliadas sob dois critérios, coletivo e individual:
                25.1 Coletivo – Sobre a prova:
(i) desconexão de mais de 50% dos participantes da corrida a menos de 2 (duas) voltas completadas:
A corrida será considerada nula e para uma eventual relargada o grid deverá ser montado de forma aleatória. Não havendo condições de outra largada a corrida está cancelada e nenhum ponto será atribuído aos COMPETIDORES.
(ii) desconexão de mais de 50% dos participantes da corrida após a segunda volta e a menos de 75% da corrida:
Caso a corrida seja interrompida nestas condições, e não seja possível a relargada, a pontuação seguirá a escala de pontos dividida por 2 (dois). As posições de chegada dos COMPETIDORES serão definidas de acordo com a última volta completa antes da última desconexão. Caso haja relargada, o grid será montado de forma aleatória. Somente poderão participar da 2.ª largada os competidores que participaram da 1.ª largada. Os pontos serão atribuídos aos COMPETIDORES de acordo com este resultado.
(iii) desconexão de mais de 75% dos participantes da corrida: Neste caso a corrida será considerada encerrada e será atribuída aos COMPETIDORES classificados a totalidade dos pontos.
(iv) Nas hipóteses (ii) e (iii) deste Artigo, a taxa de 75% de realização da corrida será calculada considerando como 100% de corrida o número de voltas de cada pista informado no anexo I – dependendo do total de voltas da corrida de cada categoria.
25.2 Individual – Sobre o competidor:
(i) Competidor que for desconectado entre 0 a 50% das voltas da prova não será computado pontuação.
(ii) Competidor que for desconectado entre 51% a 89% das voltas da prova pontuará a metade dos pontos de acordo com a posição que o carro estava.
(iii) competidor desconectado com mais de 90% das voltas da prova terá os pontos obtidos por completo.
CAPÍTULO XII: DESCARTES
Artigo 26: O COMPETIDOR da SUPER COPA será obrigado a efetuar o descarte dos resultados obtidos, em 1 (uma) corrida válida, ao longo da Copa.
26.1: O COMPETIDOR que for excluído de alguma prova por atitude antidesportiva ou por punição moderada a grave, não poderá utilizar o resultado dessa exclusão como descarte de pontos.



CAPÍTULO XIII: DESEMPATE DOS COMPETIDORES
Artigo 27: As Copa Light e Copa Ginetta serão vencidos pelo COMPETIDOR que tiver o maior número de pontos gerais acumulados em todos as provas e realizados os descartes de acordo com artigo 26.
27.1: Se houver empate, e dois COMPETIDORES terminarem o campeonato com a mesma pontuação, serão considerados os seguintes critérios na ordem que aparecem:
(i) Maior número de vitórias;
(ii) Maior número de colocações seguintes (segundos lugares, terceiros, quartos e assim por diante). Serão consideradas somente colocações obtidas em corridas nas quais o competidor seja classificado (ou seja, tenha percorrido no mínimo 51% do número de voltas completado pelo vencedor);
(iii) Pole positions (somente as conquistadas em treinos classificatórios).
(iv) Maior número de voltas mais rápidas em corridas;
(v) Se ainda assim persistir a igualdade, a melhor colocação será do competidor que atingiu antes a pontuação final obtida, já apurada com os descartes.
(vi) Não havendo vencedor após a aplicação dos critérios acima, os concorrentes serão considerados oficialmente empatados. Dividirão a mesma colocação, aparecendo nas tabelas e classificações em ordem alfabética.
CAPÍTULO XIV: BRIEFING PARA OS COMPETIDORES
Artigo 28: Antes de cada corrida, uma sessão de instruções (briefing) para os COMPETIDORES  poderá ser realizada a critério dos promotores através da realização de “party” da plataforma Play Station 4. sendo que a promotora deverá comunicar data e hora pelos meios de comunicação oficiais da WorldBr.
28.1: O briefing é feito para que o Diretor de Provas ou responsável designado pela PROMOTORA para que possam passar aos COMPETIDORES informações e critérios específicos sobre aquela corrida. Antes da abertura da sala de treinos.
Artigo 29: A participação nessa sessão é facultativa aos COMPETIDORES. A falta ou atraso na participação da sessão do briefing de instruções só resultará penalidades caso este competidor cometa qualquer irregularidade pautada neste briefing.
CAPÍTULO XV: COMUNICAÇÃO COM OS  COMPETIDORES:
Artigo 30: será solicitado aos competidores a criação de uma “party” aberta, para que a PROMOTORA possa entrar nela e comunicar aos competidores qualquer eventualidade de cancelamento/interrupções/criação de nova sala/etc.
CAPÍTULO XVI: NORMAS GERAIS DE SEGURANÇA:
Artigo 31: Os competidores deverão respeitar a linha de box, sob pena de, além de serem punidos pelo jogo, também serem advertidos pelos promotores. (falta leve)
Artigo 32: Os Box serão ativados como “manuais” no jogo sendo de responsabilidade do competidor respeitar os limites de velocidade de entrada nos box, podendo inclusive ser desqualificado pelo jogo. (falta grave).
Artigo 33: Os competidores deverão respeitar a bandeira azul apresentada em qualquer momento da prova, oferecendo sempre a parte de fora do circuito ao competidor mais rápido. (falta moderada)
CAPÍTULO XVII: CONFIGURAÇÃO DOS TREINOS, QUALIFICAÇÃO E CORRIDA:
Artigo 34: COPA LIGHT, Corrida de voltas, aprox. 20 minutos.
34.1:Configurações gerais: Setup Padrão; Assistências e ajudas Permitidas; Câmeras e Câmbio  liberados; Consumo de Combustível DESLIGADO; Desgaste de Pneus Real; Categoria: Renault Clio Cup, Horário simulado: 14h00, Progressão de tempo Real, Clima Sinc. C/Corrida.
Artigo 35:COPA GT, Corrida de voltas, aprox. 20 minutos.
35.1: Configurações gerais: Setup Liberado; Assistências e ajudas Permitidas; Câmeras e Câmbio liberados; Consumo de Combustível Real; Desgaste de Pneus Real; Categoria: GT4  - Veículo: Ginetta G55 GT4, Horário simulado: 14h00, Progressão de tempo Real, Clima Sinc. C/Corrida.
CAPÍTULO XVII: CLIMA PARA O MOMENTO DA PROVA:
Artigo 36: O Clima divulgado pode não ser idêntico ao real, mas é o mais próximo. O clima de cada corrida é divulgado entre as 20:00 e 22:00 do dia anterior que antecedem a etapa da semana, e é visualizado em https://www.weather.com .
CAPÍTULO XVIII: INCIDENTES:
Artigo 37: “Incidente” significa qualquer acontecimento, ou série de acontecimentos envolvendo um ou mais competidores, ou qualquer ação executada por qualquer competidor, serão considerados incidentes os acontecimentos que constituam o desrespeito a alguma regra da do automobilismo esportivo, como por exemplo os itens abaixo:
a) Atitude antidesportiva, ofensa, desrespeito ao adversário.
b) Falsa largada por um ou mais carros; (punido pelo jogo)
c) Ocorrido uma colisão;
d) Um competidor ser forçado para fora da pista;
e) A prevenção ilegítima de uma manobra legítima de algum competidor;
f) O impedimento ilegítimo de outro competidor durante uma ultrapassagem;
Parágrafo único: Qualquer incidente em qualquer atividade de pista (treinos livres, classificatórios, corridas, entre outros) poderão ser investigados pela PROMOTORA durantes ou após as atividades de pista.
Artigo 38: Caberá ao competidor que se sentir lesado ou ofendido oferecer provas direta e exclusivamente a PROMOTORA, através de vídeos/gravações do jogo, ou “print” das telas onde tenha algo a reclamar, a PROMOTORA ira encaminhando as provas a 5 juízes aleatórios (membros do grupo da PROMOTORA), que retornarão a PROMOTORA seu parecer, indicando se um competidor ou competidores envolvidos num incidente em qualquer atividade de pista ou fora dela deverão ser ou não penalizados.
Artigo 39: Se um incidente está sendo investigado pelos juízes, uma mensagem deverá ser enviada a todos os membros do grupo, indicando o incidente e envolvidos através de boletim oficial.
Artigo 40: A PROMOTORA poderá impor qualquer uma das penalidades abaixo sobre qualquer competidor envolvido num incidente:
a) Advertência: A PROMOTORA irá, por boletim nos canais oficiais, informar o competidor que recebeu a advertência e o motivo, caso ocorra a repetição do incidente, implica de imediato em uma penalidade leve.
b) Penalidade leve: drive-through a ser cumprido na próxima prova do campeonato, competidor deverá entrar no pit lane e voltar à corrida sem parar.
c) Penalidade moderada. O competidor perderá 50% dos pontos conquistados na prova onde o incidente ocorreu.
d) Penalidade grave: o competidor perderá todos os pontos conquistados na prova onde o incidente ocorreu, inclusive os pontos extras (pole position, volta mais rápida e bônus de participação).
e) Penalidade severa: o competidor será excluído do campeonato.
Se as penalidades b)  for imposta após o término do campeonato o competidor perderá 15 segundos da última prova disputada, e a PROMOTORA corrigirá seu tempo e caso perca alguma posição será reformulada a tabela da competição.
40.1: Se qualquer uma das punições a) ou b) acima descritas forem aplicadas, elas não poderão ser protestadas, somente as c), d) e e) poderão ser protestadas. O competidor deverá apresentar em no máximo 24 horas sua defesa a PROMOTORA.
CAPÍTULO XIX: PROTESTOS
Artigo 41: No caso de eventuais Protestos, os critérios abaixo, deverão ser seguidos pelos competidores.
41.1.: Cada protesto deverá ser enviado pelo protestante exclusivamente a PROMOTORA, com data e recebimento confirmado pela PROMOTORA, o protesto será analisado pelos juízes designados pela PROMOTORA e com prazo de 48 horas deverá ser emitido um parecer.
41.2.: Os juízes e a PROMOTORA analisarão o protesto de acordo com este código e podem infligir penalidades em adição a ou no lugar de quaisquer outras penalidades disponíveis a eles de acordo com o código. Qualquer decisão tomada pelos juizes e PROMOTORA, não é sujeita a apelo. Caso o protesto proceda eximindo o protestante de qualquer responsabilidade pelo incidente referido, conforme concordado após análise ds juizes e PROMOTORA, as punições serão retiradas.
CAPÍTULO XX: DO ACEITE DA REGULAMENTAÇÃO E/OU RENÚNCIA
Artigo 42: No ato da confirmação de sua participação na SUPER COPA, o competidor confirma estar ciente das regras deste regulamento e o aceita em sua totalidade, caso não concorde deverá formalizar através dos canais oficiais a sua desistência da competição.

Artigo 43: Nenhum pleito por danos na Justiça Comum poderá ser buscado em decorrência das medidas administrativas tomadas pela PROMOTORA no pleno exercício do cumprimento do presente regulamento.

  

ANEXO 1:
CALENDÁRIO OFICIAL DA SUPER COPA WORLDBR E-SPORTS



FORMATAÇÃO DA SALA:

CONFIGURAÇÃO DE HOST: sala privada, transmissão ligada, aguarde o sinal da corrida ligado.
CONF. DE REALISMO: Motor automático, visualizações liberadas, setup conforme copa, assistências liberadas, danos totais, falhas mecânicas ligadas, pit stops manuais ligados, desgaste de pneu autentico, falta de combustível conforme copa, volta de resfriamento desligado.

REGRAS E REGULAMENTOS: regras e penalidades ligadas, penalidades por limite da pista ligado, penalidade de tempo admissível 5 segundos, penalidade de saída de box ligado, licença competitiva ligado em U100.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot

Páginas